Redenção #02 | RESENHA

23.7.16

Foto: Leitora Cretina
Olá, leitores! Tudo bem?

O livro "Redenção" é a continuação de "Depravado" (você pode ler a resenha clicando aqui), escritos por Jaimie Roberts. Fiquei encantada pelo primeiro volume, sem contar que o final me deixou muito curiosa, não teve como não dar continuidade. 


 Título: Redenção
 Título Original: Redemption  
 Série/Trilogia/Duologia: Deviant 
 Volume: 02 
 Autor: Jaimie Roberts 
 Ano: 2016 
 Editora: Bezz 
 Número de Páginas: 463 páginas
 NOTA: 
SINOPSE: Como alguém pode ser capaz de superar uma traição tão devastadora, uma que chega a dilacerar os ossos e se enraizar bem lá no fundo? Não há como perdoar uma mágoa assim...
Ou, há?
Desde que Tyler tinha seis anos de idade, ela se apaixonou pelo menino atrevido de oito anos, de cabelo negro espetado, olhos azuis cativantes e uniforme amarrotado. Desde o momento em que ele bateu em um colega por tê-la machucado, Tyler soube que não tinha volta. Eles estavam destinados a ficar juntos...
Sempre.
E então, tudo mudou. O palco foi montado como uma tragédia Shakesperiana, e o mundo que Tyler e Dean conheciam se extinguiu.
Mas seria mesmo?
TYLER
Agora meu nome era Jessica. Forjei minha própria morte, mudei minha identidade e percorri milhares de quilômetros só para escapar do único homem que não consegui expulsar do meu coração. Tinha um filho de quatro anos, que adorava mais do que tudo no mundo. Em uma noite horrível, a vida que construí desapareceu num piscar de olhos. Deixei pessoas para trás. Pessoas com quem me importava. Pessoas que jamais esqueceria. Pessoas que amava.
Mas será que eu tinha mesmo seguido em frente?
Ninguém me disse que deixar para trás aquele que eu amava desde os seis anos seria fácil. Vivia minha vida dia após dia. Até conheci um homem e sosseguei. Qualquer mulher desejaria um cara como Evan. Então, por que eu não conseguia amá-lo do jeito como ele me amava? Por que não conseguia superar o garoto de cabelos escuros e olhos azuis que me consumia todas as noites? Podia tê-lo deixado, mas ele nunca me deixou realmente.
Eu nunca conseguiria amar outro homem. Dean se certificou disso no dia em que entrou na minha vida. Agora eu era apenas metade de uma mulher; magoada e ferida pelo único homem que pensei que sempre amaria e em quem confiaria. Como esquecer, algo assim? Mas era o que precisava fazer. Era o que tentava todos os dias. Estava sobrevivendo, lidando com tudo para não desabar.
Mas um novo desastre aconteceu. E foi exatamente nesse dia...
Que tudo mudou.
DEAN
Você não pode se esconder para sempre, Tyler. Eu sempre irei persegui-la, sempre irei buscá-la, sem jamais desistir. Se há uma certeza em sua vida, que seja essa. Você escapou por entre meus dedos, não apenas uma vez, mas duas. Levou meu coração quando me abandonou naquele dia. Nenhuma quantidade de álcool, mulheres ou treinos conseguiram bloqueá-la da minha mente. Você não pode estar morta. Eu não permitiria que estivesse. Você está em algum lugar. Tenho que parabenizá-la por ter me enganado por tanto tempo. Você sempre foi uma garota esperta. Como não me apaixonaria por você? Você escapou de mim desta vez, mas vou encontrá-la, Tyler. É uma promessa. E quando esse dia chegar...
Finalmente vou te tornar MINHA.

Foto: Leitora Cretina
Em "Depravado" conhecemos Tyler O'she e Dean Scozzari. Eles se conheceram quando crianças, mas algo acabou levando Dean para longe e antes de partir, ele fez Tyler prometer que ela seria dele quando voltasse.

Os anos passaram e em quase todas as noites, alguém entra na casa de Tyler, arruma a sua casa e vira o lado do papel higiênico (coisa que a irrita demais). Não é segredo nenhum que é Dean o homem misterioso, mas ela não sabe disso, além de não saber que ele só está fazendo isso para conseguir chegar até ela e destruí-la do mesmo jeito que ela fez com ele há anos atrás. Ele não quer reconquista-la, ele quer vingança.

O romance é misterioso desde o primeiro livro. Você tenta descobrir o que Tyler fez, o que Dean planeja fazer, etc.

Na outra resenha, eu disse que tinha algo que não se fechou e o início desse livro resolve a questão. Me senti mais confortável com isso.

Sob outras circunstâncias, Tyler foge, troca de nome, de país e esconde Jeremy, seu filho. Ela engata um novo relacionamento longe de todo perigo que Dean traz a ela e sua família, mas é claro que ele acaba encontrando-a. Dean vem de uma família perigosa e que também já mostrou a Tyler e ao leitor que isso está em seu sangue. Agora é o momento de sua redenção. 
"- Se eu conheço Dean, ele ou alguma outra pessoa já deve estar vigiando este hospital. Se todos nós sairmos com Jeremy, ele vai saber. Não posso arriscar."

É inegável que Tyler sempre amou Dean e que deixar tudo para traz é mais difícil do que parece, ainda mais quando Dean está sempre disposto a persegui-la e agora buscar o seu perdão.
"(...) - Esperei muito tempo para te fazer minha novamente."

As cenas eróticas são intensas. Não pela quantidade e sim pela qualidade de narração que autora mostrou, com muitos detalhes e cenas longas. Há também cenas de ação que te deixam com o coração na boca. 

A narração é intercalada entre Dean e Tyler, mas dois capítulos foram narrados pelo Jimmy, comparsa e amigo de Dean que também engatou um romance com a amiga de Tyler, a Tara. Os momentos desse novo casal foram incríveis, fiquei até com vontade de ler um livro só deles. Jaimie Roberts, pense na proposta!
"- Acho que ele mexeu com a mulher errada, não é, Jimmy?" "- Sim, ele mexeu."

Os dois livros são incríveis! Se no primeiro houve muito sofrimento, nesse há ainda mais, mas tem também muito romance, cenas divertidas e principalmente, emoção.

O único ponto negativo que eu tenho a dizer sobre o livro é a capa dele. Nossa! Fiquei babando na capa do volume anterior, mas essa me decepcionou bastante.

Se você está procurando um livro com um romance saudável e leve de ler, essa duologia não é para você. O relacionamento dos dois é extremamente doentio e complicado.

Beijão!

Você poderá gostar também:

14 comentários

  1. Oi Mônica, acho que vou dar uma olhadinha nesses livros. Estou precisando ler algo doentio e complicado.
    Beijos
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  2. Oi Mônica! estou com muita vontade de ler essa dualogia, bom saber que as cenas eróticas têm qualidade! e bem, adoro ler sobre romance não tão saudáveis rsrsrsrsrs

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Hahha, então você vai adorar essa duologia, Mi!

      Beijão

      Excluir
  3. Oi, Mônica!
    Não vou mentir que achei meio perturbada essa duologia, mas ainda assim vou dar uma olhada.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  4. Oi, Mônica!
    Ainda não conhecia os livros, mas confesso que relacionamentos complicados, sempre me atraem! kkk
    Vou procurar pelos livros!

    Beijos,
    Elidiane - Leitura Entre Amigas
    http://www.leituraentreamigas.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá ;

    Gosto da premissa do livro, ainda mais neste caso que parece que o autor soube dosar o romance, erotismo e ação.
    Ótima resenha, deu uma boa luz quanto a leitura.

    Boa semana.
    http://cabinedeleitura1.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!!
      Obrigadaa! Espero que possa ler também.

      Beijão

      Excluir
  6. Olá Leitora Cretina!!!
    Como já disse, esse livro não tinha me despertado nenhuma vontade de lê-lo até que sua resenha apareceu rsrsrs
    Fiquei curiosa em saber o que acontece nessa história e toda trama que a envolve, porém ainda continuo achando essa protagonista doida rsrsrs

    lereliterario.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!!
      Hahah, ela é um pouco doida sim, não vou negar não!
      Leia sim, espero que goste também.

      Beijão

      Excluir
  7. Olá, gostei da sinopse, mas ele é um pouco diferente dos livros que estão na minha lista de desejados, mas gostei e depois vou pesquisar um pouco mais.
    Abraços!
    http://umlivroabertoig.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Olá! Deixe seu comentário. Eu vou adorar ler e respondê-lo. <3

Sobre Mim

Olá! Meu nome é Mônica, me chame de Mô (se preferir). Tenho 18 anos e sou uma pisciana do amor. Sempre tive interesse em fazer faculdade de Direito e hoje realizo esse sonho. ╔ Leia Mais

Curta a página no Facebook