RESENHA: Ugly Love [O Lado Feio do Amor] - Colleen Hoover

5.10.15


Olá, leitores! Tudo bem?

Mais uma resenha para vocês! Tô melhorando né?! Estou tentando trazer sempre que consigo terminar um livro e ontem eu acabei Ugly Love, com o título O Lado Feio do Amor aqui no Brasil da autora Colleen Hoover. Não conhecia quase nada sobre a autora ou sobre os livros dela, mas confesso que eu senti que precisava ler esse livro no momento que vi o teaser do filme! Caso não tenha visto, derreta-se comigo: 


Ugly Love traz a história de Tate Collins e Miles Archer. Tate, por conta da sua área profissional, que é a enfermagem, acaba se mudando para a casa do irmão Collins, típico irmão/pai protetor! Não demora muito para que ela encontre Miles Archer, um piloto de avião que trabalha junto com seu irmão. A primeira vez que eles se veem não é como nos livros clichês, não foi amor a primeira vista, aliás, nem amor foi, o que há entre eles é apenas atração. Por algum motivo, Miles quer evitar que algo além de sexo aconteça, então, impõe duas regras: não pergunte sobre o meu passado e não espere um futuro

“É assim que que acontece quando uma pessoa desenvolve atração por alguém. Ele não estava em nenhum lugar e de repente, ele estava em tudo. Quer você queira ou não.”

No decorrer da história, acaba sendo revelado que Miles não sai com ninguém a SEIS ANOS e o motivo disso é o maior mistério do livro. Ele realmente tem um motivo que o machucou muito, e este é um dos diferenciais da história, não é algo como nos outros livros em que uma mulher o magoou muito e agora ele foge de relacionamentos, não é isso, gente! Acreditem em mim! Por este motivo, ele é um pouco fechado (nada comparado ao Grey, ok?), não deixa transparecer muita coisa sobre ele, deixando Tate cada vez mais curiosa.

Achei bem interessante os capítulos serem alternados. Tate narra o que está acontecendo naquele momento, o que ela está pensando, como ela se sente, o que espera de Miles, bom, entramos em sua cabeça e tentamos entender Miles com ela. Enquanto isso, os capítulos narrados por Miles não ocorrem atualmente, mas sim a seis anos atrás para que possamos entender o que o fez mudar. Apenas no finalzinho do livro ele narra nos dias atuais.

Existem inúmeras barreiras que os impedem, além do segredo de Miles, o fato do irmão de Tate, Collins, ser muito protetor, ele não quer ninguém se aproximando de sua irmãzinha, mas este é o de menos!!

“As partes feias do amor não podem te levantar. Elas te DERRUBAM. Elas te seguram.Te afundam. Você olha pra cima e pensa, eu queria estar lá em cima. Mas você não está. O feio do amor se torna você."

Uma das coisas mais fofas que vi neste livro foi o personagem Cap. No prédio onde moram, ele trabalha como uma espécie de porteiro, mas apenas aperta os botões do elevador para as pessoas e ele acredita que estas são as suas viagens, aquele é o seu avião. É um homem que não apenas envelhece, ele fica mais sábio. Sem expor sua opinião, ele faz com que os personagens principais reflitam sobre suas decisões e achei ele bem importante na história, sem contar que é um amorzinho.

O final é lindo, emocionante (MUITO EMOCIONANTE). É um livro que te faz pensar, suspirar, chorar (BASTANTE) e rir. Sua história não é exatamente balanceada, em alguns momentos penca bastante para o drama, mas sem deixar de lado o humor.

Estava quase esquecendo... as cenas de sexo! Se você não curte muito esse tipo de cena nos livros, não se preocupe, eu achei o livro com poucas cenas e as que tinham, não eram nada vulgares (como alguns podem achar) ou exagerado demais.

As únicas coisas que não gostei do LIVRO (porque a história é perfeita): folhas brancas. Detesto folhas brancas. 
A capa é linda e só vai fazer sentido para você no desenrolar da história.

Bom, esse, com certeza, se tornou um dos meus livros favoritos e Miles Archer se tornou o meu atual amor. Se você, não é chegado no Cinquenta Tons de Cinza, não se preocupe com este livro, ele não tem quase nada disso. O Nick Bateman  (Miles Archer na adaptação para o cinema) disse que este é um livro que mistura Cinquenta Tons de Cinza e Diário de uma Paixão. Vou ser sincera, não achei isso, claro, Miles e Grey possuem um segredo que acaba dando um clima na história, mas não diria que é essa mistura exatamente. É mais evidente a sensualidade nesse livro do que o sexo em si. Quanto ao lado Diário de uma Paixão, acho que ele se refere a questão do amor difícil, e isso é verdade.
Headlines and Global News: As pessoas descrevem 'Ugly Love' como uma mistura de 'Diário de Uma Paixão' e 'Cinquenta Tons de Cinza'. Você concorda? Colleen Hoover: Absolutamente, e eu me convenci quando ouvi Nick dizer isso pela primeira vez. Tem a sensualidade de 'Cinquenta Tons' e a emoção de 'Diário de Uma Paixão'.



SINOPSE: Quando Tate Collins conhece o piloto Miles Archer, ela sabe que não é amor à primeira vista. Eles nem iriam tão longe para dizer que eram amigos. A única coisa que Tate e Miles têm em comum, é essa inegável atração. Uma vez que seus desejos são descobertos, eles percebem que eles têm um arranjo perfeito. Esse arranjo pode ser surpreendentemente simples, contanto que Tate se atenha às duas únicas regras de Miles.
Nunca pergunte sobre o passado. 
Não espere um futuro.
Eles acreditam que podem lidar com isso, mas percebem, quase imediatamente, que isso não será possível. 
Corações são infiltrados. 
Promessas são quebradas. 
Regras são despedaçadas. 
O amor se torna feio.

NOTA: 

Já leram também? O que acharam?
Beijão!

Você poderá gostar também:

6 comentários

  1. Oi, tudo bem?
    Esse livro é um dos que estão na minha lista de leitura! Eu já adoro a autora, o gênero e tudo hahaha acho que vai ser impossível eu não gostar dele né?!
    E ah, eu tenho o mesmo problema que você com as páginas brancas: ODEIO, mas a história deve valer a pena e a gente esquece esse detalhe hahaha
    Adorei a resenha!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, linda!! Tudo bem sim e você?
      Vou procurar mais livros dela, a escrita é ótima. É um livro que vale super a pena.
      Chega até a me irritar páginas brancassssss, nossa! hahahaha
      Obrigada, amore <3
      Beijão

      Excluir
  2. Eu sou completamente apaixonada pela Colleen Hoover dês de quando eu li a trilogia de Métrica, e quando minha amiga me passou esse livro em pdf em junho eu quase pirei e comecei a ler e me apaixonei completamente pelo Miles e Tate , depois comprei meu exemplar na pré-venda e quase morri porque veio umas páginas amassadas e também não gosto de folhas brancas. Pois é esse é um livro tão amorzinho ♥ , e não acho que tenha nada parecido com cinquenta tons.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!!
      Fiquei apaixonada também, virou um dos meus favoritos. É merecido mesmo ter esse livro físico, é incrível.
      Que pena que veio com algumas páginas amassadas, detesto quando isso acontece :(
      Obrigada pelo comentário <3
      Beijão

      Excluir
  3. Primeiro: Ai meu Deus, que blog mais lindo <3333
    Segundo: Clleen Hoover, sua diva maravilhosa. Essa mulher só escreve livro bom. Que magia negra é essa???
    Terceiro: Miles Archer. Preciso falar mais nada sobre ele. Mas vou falar memo assim. GOSSSTOOOSO! haha
    Fico feliz de ver que você gostou dessa estória tanto quanto eu. Adorei a resenha, viu.
    XOXO

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oláaa!! Tudo bem?
      Awn, muito obrigada! Fico feliz em ouvir tudo isso ♡
      Esse livro é realmente maravilhoso e o Miles não tem comentários, aff que homem é esse???? hahahhahh

      Beijão!

      Excluir

Olá! Deixe seu comentário. Eu vou adorar ler e respondê-lo. <3

Sobre Mim

Olá! Meu nome é Mônica, me chame de Mô (se preferir). Tenho 18 anos e sou uma pisciana do amor. Sempre tive interesse em fazer faculdade de Direito e hoje realizo esse sonho. ╔ Leia Mais

Curta a página no Facebook